Conversinha - O caçador de Pipas

OLáááááá

Bom, voltei rapidinho né?
Hoje vou falar desse livro maravilhoso do Khaled Hosseini...e pasmem, eu tenho esse livro há anos, comecei a lê-lo assim que ganhei e A.B.A.N.D.O.N.E.I
Affffffff....devia estar numa fase muito ruim para ler, pq o livro é lindo e muito triste, tenho que agradecer ao projeto smash literário, pois um dos temas era um livro que abandonei.

O livro é bem realista e com cenas bem chocantes, mas de uma sensibilidade, de uma amplitude tão grande, que nos transporta ao Afeganistão e Paquistão.

Para mim Hassan era uma pessoa iluminada, um ser que só tinha bondade em seu coração e com certeza não merecia as agruras que a vida lhe reservou.

Triste, muito triste parte da história de Hassan ser vivida pelo seu único filho anos depois.
Enfim, um livro ótimo, denso e muito bem escrito.
Super Indico!!!





O caçador de pipas é considerado um dos maiores sucessos da literatura mundial dos últimos tempos. Este romance conta a história da amizade de Amir e Hassan, dois meninos quase da mesma idade, que vivem vidas muito diferentes no Afeganistão da década de 1970. Amir é rico e bem-nascido, um pouco covarde, e sempre em busca da aprovação de seu próprio pai. Hassan, que não sabe ler nem escrever, é conhecido por coragem e bondade. Os dois, no entanto, são loucos por histórias antigas de grandes guerreiros, filmes de caubói americanos e pipas. E é justamente durante um campeonato de pipas, no inverno de 1975, que Hassan dá a Amir a chance de ser um grande homem, mas ele não enxerga sua redenção. Após desperdiçar a última chance, Amir vai para os Estados Unidos, fugindo da invasão soviética ao Afeganistão, mas vinte anos depois Hassan e a pipa azul o fazem voltar à sua terra natal para acertar contas com o passado

Bom, então é isso por hoje, vou correr e terminar de ler o último livro do projeto smash literário.

beijosssss

Leila

0 comentários:

Postar um comentário