Conversinha - Verão no Lago 01/52

Olá pessoal

Comecei o ano bem, dia 01 iniciei minha primeira leitura e hoje (agora são 3 da madruga) acabei de terminá-lo, e posso dizer que foi um bom livro...

Com esse livro participo dos projetos 52em52, Leitura Inesquecivel e Desafio sem data (que depois postarei aqui no blog em outro post)

Leitura gostosa, fluida, personagens cativantes, boa trama intercalando passado e presente (gosto disso), um local paradisíaco e lógico um bom romance para apimentar tudo.

Primeira vez que leio um livro da Susan Wiggs e posso dizer que gostei e com certeza é uma série que irei terminar, pois me prendeu, rendeu umas lagriminhas em algumas partes, acho que é bem estilo Janet Daley, mas uma delícia de ler.  Li 416 páginas com muito prazer!

Olívia é a típica menina rica que não se encaixa nos padrões, é cobrada demais pela mãe e totalmente perdida até ir para a faculdade, se sentir livre e resolver dar uma guinada na vida, mas mesmo assim ficou com o pé atrás no assunto relacionamentos, visto que se sente uma fracassada no setor, após 3 noivados rompidos.

Connor é o oposto, filho de pais pobres, vida difícil e sem carinho, pai alcoólatra, mãe desmiolada, se destaca em competições, na escola e luta para vencer e ser alguém na vida.

Pois é, ambos formam par no livro e mostram que para o amor não existe barreiras e nem preconceitos, basta se entregar!

É possível superar a magia do primeiro amor? 
Olivia Bellamy é uma das mais talentosas decoradoras de Manhattan. Agora, sua avó quer contratá-la para restaurar um lugar muito importante na história da família: o acampamento Kioga.
Olivia sabe que terá muito trabalho pela frente, e precisará contratar um empreiteiro para realizar a grande reforma. Porém, o único profissional disponível é Connor Davis, o menino que roubou seu coração em um dos verões no Kioga. Tendo como cenário um acampamento rodeado pelas montanhas Catskills, Verão no lago é o primeiro livro da coleção Diários do Lago, uma saga sobre os Bellamy, uma família cujo passado precisa ser superado para que juntos possam encontrar a felicidade. Ao utilizar ingredientes como amores perdidos, lembranças da infância, intrigas e redenção, Susan Wiggs cria uma narrativa que, tal qual o lago, espelha a paisagem e a alma de seus personagens a cada página e a cada linha.

Bom, dei sorte com a minha escolha de livro dessa vez, tomara que continue assim no decorrer desses outros 300 e tantos dias, rs

beijoss

2 comentários:

  1. Eu tive um livro da Susan Wings que já perdi no meio de tantas mudanças que passei na vida, não me recordo o nome agora... Mais lembro que gostei do livro e isso é o que importa! Adorei a postagem!Bjs

    ResponderExcluir
  2. Feliz Ano Novo Leila!!!!! Muitas leituras, aventuras, romances, magias e alegrias, bjs!
    Nice Sestari

    ResponderExcluir