#marçolendomulheres - Feliz Dia Internacional das Mulheres

Olá pessoal

Hoje, 08 de março é comemorado o dia internacional da mulher. Sim, é uma data que merece mesmo uma comemoração pois somos mulheres fantásticas, guerreiras e cuidadoras! Cada uma na sua especialidade/particularidade, mas todas mulheres fortes e lutadoras!

Feliz dia para nós!

Nesse clima de comemoração, eu e as amigas Patricia Dias, Ale Dossena e Nice Sestari resolvemos fazer de março um mês de leituras de obras femininas, cada uma fez a sua TBR e um post especial para explicar o projeto. Vou deixar o link do blog de cada uma para vocês visitarem ok?

Casinha de Livro - Patricia Dias
Ipsis Litteris - Nice Sestari
Ale Dossena Escritora

Então ao longo do mês venho aqui resenhar os livros que lerei para o projeto...

Hoje vou lançar somente a minha TBR e espero não estar sendo otimista e realmente conseguir finalizar essas leituras dentro do mês, rs



Iniciei a leitura de Emma da Jane Austen, nessa edição lindíssima da Editora Martin Claret que contem 3 romances de JA.

Acho que Jane Austen representa melhor do que ninguém todas as autoras, pois seus livros foram escritos há mais de 100 anos e ainda continuam encantando até hoje! Da autora já li Orgulho e Preconceito e a Abadia Northanger. Assim que terminar Emma venho resenhar para vocês.


Também escolhi uma HQ escrita e ilustrada pela autora iraniana Marjane Satrapi. A história é uma aula de cultura islâmica. Já iniciei e estou gostando muito.

Também escolhi uma história contemporânea, um livro de suspense ao que tudo indica, da autora Samantha Hayes - Até você ser minha. Leitura também já iniciada no começo do mês. Logo volto com mais informações sobre o livro.

Como eu disse, espero conseguir finalizar esses três livros e ainda ler o Todos os nossos ontens da autora Natalia Ginzburg...
Eis a sinopse desse livro da Natalia...
A intriga centra-se em torno de duas famílias da ­burguesia italiana, que são apanhadas pela guerra, e relata­ as interferências dos conflitos internacionais nos ­comportamentos e relações humanos. Os passos da vida­ naturalmente associados à alegria, como o casamento e a maternidade, tornam-se mais trágicos que a própria morte. Os­ sentimentos de amor, ódio ou amizade são afectados. Mas ­também os gestos mais simples, automáticos, como abrir uma­ porta, usar um vestido, apanhar um combóio, adquirem­ sentidos inesperados e dramáticos.

Bom pessoal, então é isso por hoje e se você também ler autoras no mês de março poste nas redes sociais com a hastag #marçolendomulheres e compartilhe suas leituras com a gente, iremos amar!!!

Beijos e feliz dia a todas

<3

Um comentário:

  1. Fiquei super curiosa com as suas leituras do mês. Já vi ótimas resenhas a respeito de Persepólis e da Natalia Ginzburg. Grandes indicações, amiga!
    bjs,

    ResponderExcluir